domingo, janeiro 03, 2010

CCS na Missa Igreja da Anunciada








Tendo em conta um pianista que adoeceu subitamente na véspera da participação do CCS nesta Missa (continuação de melhoras, Nuno), a sua substituição mesmo em cima da hora pelo organista António Laertes (a quem muito agradecemos pela pronta disponibilidade!), umas quantas coralistas que iam sendo engolidas pelo que parecia o dilúvio de Noé e uma mesmo que não conseguiu sair de casa, acho que se pode dizer que correu bastante bem!

5 comentários:

Melra disse...

Alguem gravou?

Ana Cláudia disse...

Acho que não, Melra... tendo em conta a forma como é feita a captação do som, que pouco juz faz à nossa prestação, não nos preocupámos em pedir a alguém que o fizesse...

Melra disse...

O Nuno gravou na outra vez e não ficou mau de todo... Em relação à captação de som, uma vez que não é bem um concerto, é natural que a nossa prestação não seja a primeira preocupação. Porém, uma vez que pediram especificamente que fosse o Coro de Câmara, parece-me que já é uma forma de fazer juz à nossa prestação!

Ana Cláudia disse...

Melra, não pretendia ferir susceptibilidades, desculpa se o fiz. Vou tentar explicar-me melhor. É óbvio que numa situação destas, o mais importante é a transmissão da missa e não a qualidade sonora do coro. Tb é óbvio que é com agrado e satisfação que aceitamos este convite, por isso respondemos positivamente e em massa! O que acontece é que a captação é feita com micros (não que eu perceba alguma coisa disso) que captam, não o som global do Coro,mas vozes individuais, as que estão mais dirigids para o micro. Por isso, não parece um coro... era isso que eu queria dizer.

Ana Cláudia disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.