sexta-feira, julho 10, 2009

Aniversários

Carl Orff, compositor e pedagogo alemão, nasceu em Munique, em 1895.
A sua obra mais famosa é a cantata cénica Carmina Burana, composta entre 1935 e 1936, sobre poemas medievais do século XIII, a maioria em latim, outros em Alemão antigo e em Provençal, escritos pelos Goliardos. Esta é a primeira de um ciclo de três cantatas intitulado Trionfi; as outras duas são Catulli Carmina e Trionfo di Afrodite.
Além da faceta de compositor, Orff dedicou grande parte da sua vida à pedagogia musical, tendo criado a Orff Schulwerk. Este método utiliza, essencialmente, a voz e instrumentos de percussão, combinando elementos melódicos, rítmicos e de improvisação. O conjunto de instrumentos utilizados são referidos como Instrumentarium Orff.
Há dúvidas quanto à relação que Orff manteve com o regime Nazi, havendo quem afirme que terá sido um colaboracionista, embora não haja provas concretas de tal.
Orff morreu em 29 de Março de 1982, estando sepultado na abadia de Andechs, a sul de Munique. A sua lápide tem a inscrição "Summus finis"...



Da Carmina Burana, mas não o celebérrimo "O Fortuna"; "In taberna quando sumus", cujo texto vale a pena traduzir...




Para instrumental Orff, se calhar uma surpresa para alguns dos nossos seguidores... quem se lembra onde foi usada esta peça?
(Desta vez não há carros, tem havido muitas reclamações com as ofertas anteriores... vai uma lambreta? =D)

4 comentários:

_mi.™ disse...

Jameson Irish Whiskey :)

Ana Cláudia disse...

A tradição já não é o que era...

Silvia disse...

Inesquecível!Não sabia que era dele. Um exemplo de como tirar um belo partido da música clássica em publicidade.

_mi.™ disse...

E o meu prémio? ai ai ai