sábado, fevereiro 28, 2009

Uma lição de vida


Le seul Orchestre Symphonique de RDC à Kinshasa
Enviado por pollux91

Um barrete para todos enfiarmos.... até ao pescoço...

5 comentários:

_mi.™ disse...

Claro que ... é uma realidade muito distante! Cá seria possivel uma coisa destas em setubal!..

Naaa.. Isso so nuz africá!

Ana Cláudia disse...

Pois, é mais fácil cruzarmos os braços e lamentarmo-nos , não é?..
É,é.

pi disse...

Uau!
Como diz o Raúl, estamos tão habituados ao luxo que pensamos não poder viver sem ele.
Só a cor da luva é que muda...
pi

_mi.™ disse...

Olha.. temos um(a) Pi agora.. é concorrencia! BAH

Sim é mais facil! Mas também é mais facil desviarmos MILHOES para o futebol! Ou contra ou tipo de populismo (eleitoral, de preferencia!)

A cultura é um bem de luxo e nao é para todos.. portanto! Sabemos como é...

Raul Avelãs disse...

Comovo-me cada vez mais com estes exemplos em que, como no caso do Sistema venezuelano, a música serve de prtexto para coisas bem mais importantes. A orquestra é má, o coro também, e o que é que isso interessa??? O que estas pessoas investem, do que elas abdicam (quem sabe se de uma refeição...) pelo prazer de fazerem música é verdadeiramente uma lição para nós que temos tudo e que ainda assim refilamos quando temos certas oportunidades. "A canção é uma arma" e a música pode ser, também, uma arma de defesa contra a própria vida.